terça-feira, 5 de outubro de 2010

Violão, como evoluir em seu aprendizado



Bem, neste texto, falarei sobre o violão englobando várias opiniões para guiar os iniciantes para chegarem a ser intermediários e tocarem as músicas que gostam, poder apresentar músicas para os amigos, fazer uma apresentação na escola, etc.
Não é uma jornada muito longa se a pessoa que quer tocar não cometer erros bobos que falarei a seguir. Sim, digo que tocar violão é algo muito fácil, mas que se torna difícil por vários obstáculos colocados por idéias erradas.

Comprar o violão

Quando você for começar a tocar violão, você, obviamente, terá que comprar um violão - ou pegar emprestado, mas fica a dica para os que forem comprar futuramente seu próprio violão.


Talvez a pior idéia que a maioria das pessoas têm é comprar um "violão mais-ou-menos" para começar e depois comprar um violão bom mesmo para quando já souber tocar bastante. Não façam isso! Quando iniciantes vão comprar um violão mais ou menos acabam comprando um violão bem ruim que desafina sempre, tem que fazer muita força para tocar as notas, entre outros problemas.

Então quando for começar compre logo um violão bom! Vale a pena o investimento. Se acontecer de você não gostar do instrumento, você poderá vendê-lo facilmente.
A maioria dos que vão começar a tocar e compram um violão mais ou menos acabam desistindo por causa das dificuldades.
Comprando um violão bom você se anima ao conseguir tocar as primeiras músicas bem simplificadas sem tanta dificuldade como os que compraram um "violão mais-ou-menos".

Eu mesmo comprei um violão mais ou menos, mas isso porque quando eu fui comprar eu não tinha muito conhecimento instrumental e o atendente da loja não sabia de nada sobre instrumentos musicais, então acabei comprando um violão que achei bonito, mas que é ruim. 


Com o meu violão ruim, eu aprendi umas poucas músicas mas eu só gostava de tocar e ficava ali me matando e pensando "um dia vai sair uma excelente melodia daqui". Mas eu enfrentava um problema irreversível: eu coloquei cordas de aço no violão que era de cordas de náilon e estraguei o violão.

Vá a uma boa loja com bons atendentes e compre um violão bom para o estilo musical que você quer tocar.


Se você quer tocar estilos como Bossa Nova, MPB e outros estilos com dedilhados, compre violão de cordas de náilon. Se você quiser tocar rock, blues ou sertanejo, compre violão de cordas de aço.


A diferença de confortabilidade entre cordas de aço e náilon só se percebe no começo, mas ambos os tipos de cordas vão machucar um pouco seus dedos no começo. Mas depois de um ou dois meses treinando diariamente você já nem percebe a dor, por ela ser mínima. Então não compre um violão com cordas de náilon se você quer tocar um dos estilos que citei para corda de aço, compre cordas de aço. Você não vai ficar por muito tempo como iniciante. Esse negócio de náilon no começo só é bom se você vai pegar um violão de náilon emprestado para comprar cordas de aço depois.


Se você é canhoto, toque normalmente como destro, deixar as cordas ao contrário é furada, tocar violão não tem a ver com ser destro ou canhoto, as dificuldades serão as mesmas. Se você fizer a besteira de, desnecessariamente, trocar as cordas, irá perder muitas chances ao longo de sua vida como quando alguém quiser que você toque uma música que você sabe com o violão de outra pessoa.


Nota: Infelizmente, aqui no Brasil funciona assim: Quanto mais caro for o violão, melhor ele é. Então, se você gostou e quer comprar um violão cujo preço seja em torno de 400 reais ou mais, pode comprar tranquilo.


Agora eu tenho um violão de 500 reais, e estou muito feliz de tocar, e mais disposto a tocar que o anterior que já citei no texto. Eu ia aprender só até o solo para depois aprender o solo na guitarra da música Sweet Child O'Mine, mas como o violão é bom, acabei aprendendo até o solo no violão, por ser bom.

Começando a tocar

Quando você começar a tocar, procure músicas simplificadas até achar uma música bem fácil e sem pestana, que é uma das maiores dificuldades dos iniciantes.
Não vá de cara nas músicas dificílimas que você gosta, vá nas mais fáceis, como "Parabéns pra você" e "Cai cai balão" porque, além de serem mais fáceis de tocar, é melhor para tocar, já que você conhece a letra.
À medida que você for treinando as músicas fáceis, pratique a pestana, porque ficar só nas músicas sem pestana não dá certo, pois isso só vai fazer seu aprendizado demorar. Aprender a pestana é muito importante.


Tocando e cantando

Para tocar e cantar, você precisa conhecer muito bem a letra da música e saber tocá-la automaticamente, sem precisar ficar lembrando "Duas palhetadas para cima, duas para baixo..." porque assim você vai perder o ritmo.
Mas só aprender a tocar e não cantar é ruim, porque então você pede para outra pessoa cantar aí a pessoa não sabe a letra direito ou não canta no ritmo certo e você só toca as músicas que a pessoa a qual você vai tocar a música conhece do começo ao fim.
Então aprenda a letra, pratique bastante no violão ouvindo a música original e acompanhando a música com seu violão e depois comece a cantar junto até unificar o tocar do violão e seu canto.

Solos

Após saber tocar várias músicas, tem aquelas músicas com solos e introduções dedilhadas "difíceis" como "Tempo Perdido", da Legião Urbana.
Bem, primeiro você tem que aprender a ler tablaturas, que é mais simples de ler do que as notas que você tem que saber qual é. Nas tablaturas, há 6 linhas, que são as cordas do violão, a corda do topo é a mais fina, a primeira corda, e a última é a mais grossa, a sexta. Ou seja, a tablatura mostra as cordas do violão de ponta-cabeça. Leia da esquerda para a direita, o primeiro número que aparecer é a primeira corda que você deve tocar, vendo a corda e a casa.

Exemplo:

E|---------------------------------10------------------
B|-12--------12--------12---------------------------- 
G|------11--------11--------11--------11------------- 
D|----0----0----0----0----0----0----0----0----------- 
A|--------------------------------------------------- 
E|--------------------------------------------------


Seguindo esta tablatura, você deve tocar a 2ª corda(a segunda mais fina) na 12ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 3ª corda na 11ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 2ª corda(a segunda mais fina) na 12ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 3ª corda na 11ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 2ª corda(a segunda mais fina) na 12ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 3ª corda na 11ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 1ª corda na 10ª casa, tocar a 4ª corda solta, tocar a 3ª corda na 11ª casa e tocar a 4ª corda solta.


Quando for começar a praticar um solo, comece tocando o solo lentamente e aumentando aos poucos a velocidade até já poder tocar na velocidade como na versão original.


Se ainda não entendeu como ler tablaturas ou ainda tem dúvidas, recomendo assistir vídeo-aulas da CifraClub no Youtube, porque eles tocam mostrando as notas sendo tocadas na tablatura.

Bem essas são as dicas para os iniciantes que querem tocar esse maravilhoso instrumento chamado violão.

Elaborado e escrito por: Reinaldo, the Forsaken

2 comentários:

Diego disse...

Uma ótima postagem e com certeza uma ótima dica.

Sou um dos que compraram um violão ruim e até hoje ainda o toco, hehe.

Fernando guedes Henrique disse...

Muito Bom!! dicas que tem grande fundamento!

começei a tocar o violão a aproximadamente 2 anos atras...e começei com um violão ''mais ou menos'',mais meu empenho e vontade de tocar não me fizeram desistir...

já vi amigos meus com instrumentos boms em mãos,mais que não curtem Muito tocar....eu quero continuar tocando todos os dias que eu puder,o resto da minha vida,e oro para que nada me impeça nessa minha caminhada,nessa minha paixão que é a musica.